DESCONTO PROGRESSIVO | TODO SITE EM ATÉ 3X SEM JUROS

O papel do álcool no vinho

O álcool do vinho é produzido pelas leveduras, a partir do processo de fermentação, a mágica que transforma o sumo das uvas na bebida alcoólica mais incrível do mundo. As leveduras são fungos microscópicos que fazem respiração aeróbica, necessariamente na presença de oxigênio. 

Contudo, quando não há oxigênio, elas fazem a fermentação alcoólica para obtenção de energia. Assim, elas transformam o açúcar das uvas em álcool etílico ou etanol. São diversas reações químicas para que a fermentação aconteça e há subprodutos, em quantidades ínfimas. Além do álcool, as leveduras também produzem gás carbônico que evapora depois, ficando apenas uma pequena quantidade dissolvida na bebida.  

O teor alcoólico que o vinho apresenta é o número de litros de álcool etílico dentro de 100 litros da bebida, medidos a 20° C. Para vinhos finos, a graduação alcoólica deve ser de 8,6% a 14% em volume (%v/v). Por exemplo: um vinho de 750 ml com 10% de teor alcoólico possui 75 ml de álcool etílico.  

O papel do álcool no vinho é equilibrar a bebida, juntamente com a acidez. Álcool e acidez, na medida certa, são fundamentais para um exemplar ser considerado de qualidade e se destacar. A harmonia perfeita entre os dois é uma tarefa dos viticultores e enólogos que são orientados pelo terroir e características das uvas.  

Postagem anterior
Postagem seguinte

Deixe um comentário

Seleção Cavista

Fechar (esc)

Entregas em até 100min suspensas

Devido ao recesso de Carnaval, nossas entregas em até 100 minutos estão suspensas e retornam dia 02/03/2022. Todos os outros métodos de entrega continuam funcionando normalmente.

Confirme sua idade

Você é maior de 18 anos?

Buscar

Carrinho

Seu carrinho está vazio no momento.
Comece a comprar